Jogos Recursais: modelando recursos adesivos como jogos simultâneos e sucessivos

Henrique Arake, Gilson da Silva Jr., Ivo Gico Jr.

Resumo


Este artigo visa responder à seguinte pergunta: dado que 1) sempre que os custos de recorrer forem superiores ao benefício esperado do recurso, a parte não terá interesse em recorrer; e que 2) se ao menos uma das partes recorrer, a outra parte também terá interesse em recorrer, ainda que os custos de recorrer sejam superiores ao benefício esperado do recurso; a incerteza quanto ao comportamento de uma parte do processo compelirá a outra a recorrer, ainda que preferisse não o fazer? Utilizando a Teoria dos Jogos para modelar a tomada de decisão das partes em um contexto em que inexista a possibilidade de se recorrer adesivamente e em um contexto onde essa possibilidade é permitida, demonstramos, não somente a nossa hipótese é válida como a modalidade adesiva de recorrer elimina esse resultado socialmente indesejável.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.