Os reflexos da regulação da análise de valores mobiliários na concentração de risco do mercado financeiro brasileiro

Henrique Arake, Gilson da Silva Jr., Ivo Gico Jr.

Resumo


O presente artigo visa responder à seguinte pergunta: o aumento da regulação sobre a atividade dos analistas de investimento pode contribuir para prevenir o surgimento de novas crises sistêmicas, ou, ao revés, agrava essa possibilidade? Considerando-se que os agentes econômicos são, em geral, avessos ao risco e à ambiguidade, bem como sujeitos a vieses de racionalidade, eles tenderão a ancorar sua estimativa de prejuízos futuros aos prejuízos da crise econômica mais próxima, bem como a exagerar a probabilidade de que esse evento ocorra novamente. Assim, novas normas regulatórias construídas dentro desse contexto podem, no limite, piorar os mesmos problemas para os quais foram criadas para sanar.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.